Escrever sobre Amor...

Lembro-me de quando ainda estava no ensino médio e minha professora de língua portuguesa, em uma das suas aulas de literatura, esnobou uma das minhas redações dizendo que escrever sobre amor é muito fácil, isso me deixou profundamente triste, pois não acredito que seja assim.

Falar de amor é algo muito profundo e nem todos conseguem transcrever um sentimento tão intenso. 

Não digo isso por me achar grande escritora, mas é por ser desta maneira que um bom escritor deve relatar e tratar este sentimento chamado amor... Ele tem de ser escrito com alma, com o coração. E mesmo aqueles que não tenham amado, ou conhecido o amor pleno, ter a certeza de que esse sentimento reside dentro de ti e grita para sair é algo único e mágico.

Obviamente todos os sentimentos e emoções tem de estar à flor da pele para se escrever qualquer tema em uma obra de ficção, mas compreender e escrever sobre o amor exige um pouco mais de ternura e tato.

Apenas os que não foram agraciados com o dom de amar é que não sabem o real sentido do que estou dizendo, não entendem o significado e a importância do amor, seja ele em sua vida pessoal ou obra literária. 

É fácil dizer que o amor é simples, quando se vive ele de forma superficial. E ele é ainda mais fácil quando tratado apenas como uma palavra que as mulheres gostam de ouvir.

Vamos pensar no que foi dito?

Será que sabemos amar ou temos o sentimento do amor dentro de nós? 

Muita gente pensará que sim, porque amar é fácil, mas será que amamos da forma correta? Será que o expressamos como ele realmente é?

Acho que enfim, começamos a compreender o que escrevi até agora. Sim, amar é fácil, quando o tratamos como um ponto geral, mas ele se torna um tanto quanto complexo quando temos de expressá-lo. 

Imagine você leitor, que acredita que a expressão do amor é um tanto quanto complicada, como é difícil para um escritor expressá-la em palavras escritas de forma cativante e emocionante. Como leitora digo, que os melhores livros que li, foram aqueles que tocaram meu coração e provavelmente esta também é sua realidade não é mesmo? E por experiencia própria posso dizer que são poucos os que conseguem por este sentimento em um romance.

Não sei ainda como os leitores receberam meus trabalhos e realmente espero poder cativá-los, mas isso é algo que terei de esperar um pouco para conseguir. Sei que não agradarei a todos, mas tenham a certeza de que se escrevi a presença dos sentimentos mais profundos do meu coração estiveram presentes.



Nenhum comentário

Postar um comentário